24/04/2024
aluguel de andaimes

aluguel de andaimes

Está pensando em contar com o aluguel de andaimes e não quer ter nenhum problema com esse serviço? A locação desse tipo de equipamento traz inúmeras vantagens para todo tipo de projeto. 

Porém, para você ter acesso a todos os benefícios do aluguel de andaimes, precisa seguir algumas dicas básicas. São recomendações que farão toda a diferença na hora de assinar um contrato. Seguindo-as, você encontrará uma empresa responsável e saberá exigir o equipamento mais adequado para a sua obra. 

Então, veja abaixo as 5 dicas que separamos para você não ter dor de cabeça com o aluguel de andaimes

Antes de contratar um aluguel de andaimes, conheça os equipamentos

Antes de ir ao mercado em busca do aluguel de andaimes, faça uma pesquisa e conheça os tipos de equipamentos mais solicitados. Assim, veja qual se enquadra melhor no seu projeto. Mas vale ressaltar que a empresa locadora vai te ajudar na escolha ideal. Dessa forma, fizemos um resumo dos principais tipos de andaimes:

  • Fachadeiro: em forma de torres que cobrem fachadas dos mais variados tamanhos. São ideais para manutenções, pinturas, reformas e fixação de revestimentos em fachadas;
  • Móveis: sua estrutura é metálica e permite melhor mobilidade dentro de um canteiro de obras. Muito usado em atividades de manutenção;
  • Tubular: conhecido como andaime simplesmente apoiado, sua estrutura é apoiada de forma independente. Ou seja, ele não fica apoiado na estrutura que está sendo construída. Muito requisitado na construção civil; 
  • Industrial: contém um sistema de travas em X, oferecendo mais segurança para os trabalhadores em atividades mais altas;
  • Multidirecional: há poucas peças de encaixe, mas elas são precisas, proporcionando formatos variados. É indicado para locais complexos, como tanques industriais e demais estruturas cilíndricas;
  • Suspenso: andaime que é preso por cabos de aço e movimentado com o uso de guinchos manuais ou motorizados. Utilizado em locais com pouco espaço, como poços e chaminés. 

Conheça também as normas regulamentadoras

A principal norma que dispõe de medidas para a segurança dos andaimes é a NR-18. Ela dita regras sobre trabalho na indústria e construção civil. Além disso, há a NR-35, que fala sobre trabalhos em altura. Assim, conhecer detalhes sobre essas duas normas é fundamental para você seguir de forma adequada todo o processo de montagem do andaime. 

Ofereça capacitação técnica para a sua equipe

Tanto na montagem como na desmontagem é preciso contar com uma equipe qualificada. Além disso, os profissionais que trabalham em andaimes precisam seguir uma série de procedimentos. 

Eles visam a segurança deles próprios, mas também das pessoas que não estão no andaime. Isso porque é preciso evitar quedas de pessoas e de ferramentas, que podem atingir outros indivíduos. 

Escolha a empresa ideal 

Uma empresa de aluguel de andaimes precisa ser de confiança e oferecer um catálogo completo de produtos. Além disso, antes de alugar um equipamento desse tipo, verifique se a empresa conta com todos os acessórios indispensáveis. Isso inclui sapatas, rodízios, guarda-corpo, pisos e escadas adequadas. 

Além do mais, veja se o andaime e os acessórios estão em boas condições de uso e com as manutenções em dia. Caso contrário, opte por outra empresa. A escolha da locadora certa fará toda a diferença para o seu projeto. Um serviço completo trará economia financeira e maior segurança para a sua obra. 

Atenção aos detalhes antes de assinar um contrato

Por fim, antes de assinar um contrato de aluguel, confira todas as informações contidas nele. Leia bem o documento e valorize a transparência e atendimento da empresa. Com isso, você vai evitar dores de cabeça posteriormente e ter acesso a um serviço de alta qualidade.

E não se esqueça também de definir previamente questões como valores, formas e prazos de pagamento.