maio 18, 2022

O que você precisa saber sobre a história da Construção Civil

A ideia comum da história da construção civil é conseguir elaborar obras que sejam eficientes e práticas para o bem estar de muitos. Nesse caso, casas, viadutos, estabelecimentos comerciais e muitos outros entram nessa lista. Mas se engana quem pensa que a construção civil é algo novo.

O termo engenharia, por outro lado, foi introduzido a bastante tempo, ainda no século XVIII, quando a palavra “engenharia militar” ganhou espaço no mercado. 

Desde os tempos antigos alguns engenheiros já se envolviam em atividades que seriam pacíficas, portanto, muitas obras em engenharia civil da época, como por exemplo, pontes, aquedutos, catedrais góticas entre outros. 

História da construção civil e o Trabalho Manual: a Primeira Ferramenta de Engenharia

A história da construção civil e o papel da construção civil é sempre projetar e melhorar alguns dos setores mais importantes para a área. Esse é um estudo que envolve bastante cuidado e um monitoramento geral dos principais fatores. Esses são, estudos de solo, planejamento da construção e vários outros.

Algo interessante é que na história da construção civil antiga boa parte das construções era feita por artesãos que faziam um bom trabalho realizando tarefas personalizadas. Atualmente o mundo se tornou mais “direto aos objetivos”, mas ainda assim o trabalho desses profissionais é valorizado.

Assim, os trabalhos referente a engenharia civil só puderam ser realizadas com a utilização de um grande número de trabalhadores qualificados por um longo período de tempo, esses também são parte da construção civil.

Estruturas da construção civil pré-históricas e antigas 

Pode ser apropriado assumir que a ciência da engenharia civil realmente começou entre 4000 e 2000 a.C. no Egito, quando o transporte ganhou tamanha importância que levou ao desenvolvimento da roda. 

De acordo com os historiadores, as Pirâmides foram construídas no Egito durante 2800-2400 a.C. e podem ser consideradas como a primeira grande construção de estrutura de todos os tempos.

A Grande Muralha da China, que foi construída por volta de 200 a.C. é considerada outra conquista da antiga engenharia civil. Os romanos desenvolveram extensas estruturas em seu império, incluindo aquedutos, pontes e barragens. 

Uma abordagem científica para as ciências físicas relativas à engenharia civil foi implementada por Arquimedes no século III a.C., utilizando o Princípio de Arquimedes sobre flutuação e o parafuso de arquimedes para a criação de água.

Construção civil no século XVIII – SÉCULO XX

Sabendo um pouco da construção civil e da engenharia civil como parte importante, é destacável que ela se tornou extremamente importante, mas por muito tempo era considerada uma área conjunta com a arquitetura.

Norwich University fundada no ano de 1819 foi a primeira faculdade estadunidense a contribuir no estudo da engenharia civil como disciplina única. Sociedades de engenharia civil foram formadas nos Estados Unidos e países europeus durante o século XIX, e instituições semelhantes foram estabelecidas em outros países do mundo durante o século XX.

A Sociedade Americana de Engenheiros Civis é a primeira sociedade nacional de engenharia nos Estados Unidos. Em 1852 foi fundada em 1852 com membros ligados à profissão de engenharia civil localizada globalmente. 

Com certeza houve grandes mudanças graças a tudo isso e, atualmente, há muitas universidades que oferecem o curso de forma separada. Além disso, é destacável o crescimento do setor em tão pouco tempo!

Conceitos modernos em Engenharia Civil

Inúmeras tecnologias têm auxiliado no avanço da engenharia civil no mundo moderno, incluindo máquinas de alta tecnologia, seleção de materiais, equipamentos de teste e outras ciências. 

No entanto, o contribuinte mais proeminente neste campo é considerado o projeto auxiliado por computador (CAD) e a fabricação auxiliada por computador (CAM).

Os engenheiros civis usam essa tecnologia para alcançar um sistema eficiente de construção, incluindo fabricação, fabricação e ereção. O software de design tridimensional é uma ferramenta essencial para o engenheiro civil que o facilita na concepção eficiente de pontes, edifícios altos e outras enormes estruturas complicadas.

Alguns ramos da engenharia civil

Construção

Quase todos os contratos de engenharia civil incluem algum elemento de obras. O desenvolvimento de aço e concreto como materiais de construção teve o efeito de colocar o projeto mais nas mãos do engenheiro civil do que do arquiteto. 

A análise do engenheiro de um problema de construção, baseado na função e economia, determina o projeto estrutural do edifício.

Transporte

Estradas romanas e pontes eram produtos de engenharia militar, mas as calçadas de McAdam e as pontes de Perronet eram obra do engenheiro civil. 

Assim como os canais do século XVIII e as ferrovias do século XIX, que, ao fornecer transporte a granel com velocidade e economia, deram um poderoso impulso à Revolução Industrial. 

O engenheiro civil hoje está preocupado com um campo de transporte ainda maior — por exemplo, estudos de tráfego, projeto de sistemas para estradas, ferrovias e ar, e construção, incluindo pavimentos, aterros, pontes e túneis.

Engenharia marítima e hidráulica

Construção portuária e construção naval são artes antigas. Para muitos países que estão em desenvolvimento hoje, estabelecer um porto grande e eficiente é um imperativo inicial, para servir como a entrada para a planta industrial e as matérias-primas necessárias e a saída para bens acabados. 

Nos países desenvolvidos, a expansão do comércio mundial, o uso de navios maiores e o aumento da tonelagem total exigem um manuseio mais rápido e eficiente. 

Berços mais profundos e equipamentos de manuseio ao lado (por exemplo, para minério) e melhorias de navegação são de responsabilidade do engenheiro civil.

Gostou a história da construção civil? Desde os tempos remotos, a construção civil faz parte das nossas vidas!